Prefeitura vai inaugurar bases comunitárias da PM neste mês de setembro

OK DSC_0011 Base comunitária da Polícia Militar na Praça do Mercado.

Nossa equipe de reportagem conversou na manhã de sexta-feira, 4 de setembro, nas dependências do Gabinete do prefeito, com o Comandante da 10a Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM) de Morrinhos, Major Francisco Leônidas, sobre a inauguração da revitalização da base comunitária da PM, na Praça do Mercado, e da instalação de um container de policiamento, no setor Vila Nova. Através dessas ações a prefeitura visa oferecer mais segurança à população, através de rondas sistemáticas, autuações e flagrantes em pontos estratégicos da cidade. Confira os trechos da entrevista feita pela repórter Ellen Ribeiro:

Major, fala pra gente sobre a inauguração da base comunitária da Polícia Militar que foi revitalizada e já está funcionando na Praça do Mercado.
Major Francisco Leônidas- Estamos atendendo a um anseio da comunidade que é ter a Polícia Militar atuando nas proximidades. No Centro Comercial Valterli José, por exemplo, existia uma demanda antiga de comerciantes que pediam mais policiamento na região. Por isso, o prefeito Rogério Troncoso, através da Secretaria de Obras, providenciou uma revitalização do posto policial que já existia no local e, a partir do dia 11 de mês, vamos utilizar melhor aquele espaço como uma base comunitária da polícia. Assim, durante todo o horário de expediente comercial, os policiais estarão ali à disposição para ouvir a comunidade e proporcionar mais segurança a todos, fazendo uma interação polícia-comunidade que sempre tem dado muito certo, já que a comunidade morrinhense tem nos ajudado bastante no combate à criminalidade.

Quando deve acontecer a inauguração deste posto policial e quantos policiais militares devem atender no local?
Major Francisco Leônidas- Nossa cidade é dividida em quadrantes para facilitar o policiamento em todas as regiões. Um exemplo: cada quadrante conta com o atendimento a uma quantidade x de bairros, que depende de um quadrante y. Cada quadrante desse possui um comandante de policiamento urbano, sendo que na Praça do Mercado, essa atividade será liderada pelo Capitão Kelver. Serão feitas rondas regulares no comércio, na Praça Central e nas principais avenidas durante toda a semana.

Na sua opinião, qual a importância da Polícia Militar atuar em pontos estratégicos da cidade?
Major Francisco Leônidas- Para um crime acontecer é necessário um triângulo que envolve a vítima, o agressor e o ambiente. Uma vez não sendo proporcionado o ambiente, o crime não vai ocorrer, pois os possíveis autores não vão ter um ambiente propício para agir. E, uma vez que a polícia está presente em determinadas localidades, o serviço preventivo vai ser mais eficaz evitando roubos, assaltos e outros tipos de crimes.

Também haverá um policiamento móvel, através da instalação de um container da PM, na Vila Nova. Como será feito o policiamento neste ponto importante da cidade?
Major Francisco Leônidas- Será instalada uma base comunitária móvel da PM, ao lado do Posto de Saúde da Família (PSF) da Vila Nova e Jardim América. Essa base é um ponto de apoio para os policiais militares, de tempos em tempos, previstos em cartão-programa da instituição, para fazer abordagens, revistas, verificação, patrulhamento a pé no meio do setor, proporcionando aos moradores daquela região uma segurança mais adequada, além de evitar que haja o uso e venda de drogas no bairro. Essas iniciativas visam coibir atos ilegais e trazer mais tranquilidade e segurança para as pessoas de bem.

Quando deve ser iniciado este tipo de atendimento na Vila Nova?
Major Francisco Leônidas- No dia 11 de setembro estaremos recebendo no Brasil a Perita em Polícia Comunitária, Osame Horachi, da Agência de Cooperação Internacional Japonesa. Ela vem conhecer algumas práticas de polícia comunitária que vêm sendo desenvolvidas no Brasil e entre as cidades escolhidas para a visita está Morrinhos. Vamos aproveitar a presença dela aqui para inaugurar também esta base comunitária da PM, na Vila Nova. A partir do momento que for inaugurada, os policiais militares vão ocupar o espaço para desenvolver suas atividades na região.

Como o senhor comentou, todas essas ações têm como objetivo melhorar a segurança e o policiamento em Morrinhos. Atualmente quais os principais desafios da Polícia Militar na cidade?
Major Francisco Leônidas- O grande desafio do Brasil hoje é a impunidade, pois o sujeito é conduzido à delegacia de polícia, é preso, mas a legislação determina que ele tem um tempo X para ser colocado em liberdade. Então, há casos aqui em Morrinhos especificamente, de numa mesma semana, a gente conduzir presa a mesma pessoa, três ou quatros vezes. Atualmente, o grande problema da Polícia Militar se esbarra exatamente no fato de que a lei não ajuda a manter o meliante preso e isso dificulta o nosso trabalho.

OK Major Francisco Leônidas Major Francisco Leônidas, Comandante da 10a Companhia Independente da Polícia Militar de Morrinhos.

OK DSC_0049Base comunitária da Polícia Militar na Praça do Mercado.

Governo da Cidade de Morrinhos. O Povo em Primeiro Lugar!
Redação e fotos: Assessoria de Comunicação Social (Assecom)
Por Ellen Ribeiro