Projeto “Papel, Caneta e Ação”: Prefeitura de Morrinhos e Bayer promovem troca de cartas entre idosos e voluntários

Projeto “Papel, Caneta e Ação”: Prefeitura de Morrinhos e Bayer promovem troca de cartas entre idosos e voluntários

 

 

 

 

 

A Prefeitura de Morrinhos, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Social e em parceria com a Bayer, possibilita um belo trabalho destinado ao público da idade feliz. Prova disso é o projeto “Papel, Caneta e Ação”, que resgata a troca de cartas entre idosos e voluntários da empresa. A ação desenvolve habilidades de caligrafia e o carinho, zelo e a cultura das cartas escritas à mão. Todas as expectativas de escrever, ler e enviar acontecem no Casarão Rosa Espaço de Convivência Vida e Movimento Saudável Isabel Cardoso Pereira. A entidade de Assistência Infantil Dona Lourdes de Mello desenvolve os serviços, estabelece aproximação e possibilita a retomada de um antigo meio de comunicação.

As trocas de correspondências tiveram início há alguns meses e atualmente 37 pessoas as recebem e 37 voluntários correspondem a mensagem. Dona Joana Teodora Rosa, 75 anos, é uma delas. “Eu acho muito bacana saber das novidades. Recebi uma carta de um amigo oculto que me contou sobre sua história de vida. Eu também respondi contando sobre várias coisas que gosto de fazer”, relatou bastante ansiosa para o encontro agendado para acontecer nesta quinta-feira, dia 5 de dezembro.

Com sorriso no rosto e alegria no coração foi possível registrar esse momento especial sob às lentes do fotógrafo da Assessoria de Comunicação. O cenário de acolhida ajudou bastante, sendo regado de muitas poses para os respectivos flashes. Segundo a primeira-dama Terezinha Amaral, este movimento de receber e enviar cartas é um estímulo que desperta lembranças do passado e renova a autoestima. “Ao contar sobre um pouco de cada um, os nossos idosos recordam dos momentos vividos com detalhes. Este é um exercício de memória que as correspondências provocam e que traz bem-estar para eles”, reconhece agradecendo a Bayer pelo projeto pioneiro em Morrinhos.

De acordo com a Analista de Operações e Planejamento da Bayer, Regina Oliveira, essa iniciativa também possibilita que os idosos selem novos laços de amizades e de comprometimento além de incentivo à leitura e o prazer de se comunicarem. “Para nós da empresa, ações como essa são muito gratificantes e fortalecem a decisão de se envolver em outras atividades de apoio à comunidade. Por meio da experiência das trocas de cartas, engajamos nossos voluntários, proporcionamos o compartilhamento de experiências e conhecermos um pouco mais sobre os beneficiados por nossas ações”, declarou agradecendo o apoio da Prefeitura de Morrinhos e afirmando que o projeto ganhou força e tem alegrado o coração de muita gente.

 

Saiba mais sobre o Projeto:

Com o apoio da coordenadora do Casarão Rosa, Clideucia Borges, idosos assistidos pela Secretaria de Desenvolvimento Social confeccionaram cartas abordando assuntos relacionados aos temas: apresentação pessoal, rotina, história de vida, momentos alegres e a importância da família e amigos, entre outros.

Participam do projeto “Papel, Caneta e Ação” colaboradores, estagiários, voluntários e terceiros da Bayer que, até o momento, já trocaram cinco cartas com os 37 idosos. No dia 5 de dezembro, a Bayer e a Prefeitura de Morrinhos promoverão um encontro entre os correspondentes do projeto. Na ocasião, todos poderão interagir uns com os outros em café da tarde.

Clideucia afirma que todos os envolvidos estiveram de mente aberta e, de fato, muito comprometidos. “Existe um forte vínculo afetivo estabelecido e por isso uma grande responsabilidade em se fazer presente por intermédio de palavras escritas, que para os idosos são muito representativas. Essa busca de resgatar um antigo meio de comunicação foi uma bênção”, complementou deixando seu abraço a cada um que colaborou.

 

 

 

 

 

 

 

1
Olá, seja bem vindo! Em que podemos ajudar-lhe?
Nosso horário de funcionamento: das 07h30 às 11h30 e das 13h00 às 17h00 - segunda à sexta
Powered by