Morrinhos já tem 1.500 notificações e 1.108 confirmações de dengue este ano

Morrinhos já tem 1.500 notificações e 1.108 confirmações de dengue este ano

Mosquito-aedes-aegypti

Esses números podem aumentar daqui para a frente com a chegada do verão e do período chuvoso.

A Secretaria Municipal da Saúde, por meio do Núcleo de Vigilância Epidemiológica de Morrinhos, não cansa de fazer um alerta muito importante sobre a dengue:

Com a chegada do verão e das chuvas, a população precisa redobrar os cuidados para evitar a formação de lugares com água parada, onde o mosquito, transmissor da dengue e da chikungunya, adora colocar os seus ovos que, com o sol quente, eclodem muito rápido liberando automaticamente os insetos que saem em busca de suas vítimas.

De acordo com o último relatório do Núcleo Municipal de Vigilância Sanitária, divulgado nesta quarta-feira (28), o número de casos notificados até hoje, em todo o município, é de 1.500 e são 1.108, os confirmados. As estatísticas referem-se ao período de janeiro a outubro deste ano.
“A população precisa estar atenta e eliminar qualquer lugar com água parada onde o mosquito acha o lugar ideal para por seus ovos. Muitas vezes, as pessoas só se preocupam com isso, quando estão com a doença e aí já é tarde demais. Todo mundo precisa saber que a dengue não é brincadeira não. Além dos sintomas que fazem a pessoa sofrer muito, ela também pode matar. Por isso, a população tem que procurar eliminar os focos, que todo mundo já conhece muito bem”, enfatiza a coordenadora do Núcleo, Josyane Cruvinel.

Por sua vez, o secretário municipal de Saúde, André Luiz, também reforça o alerta sobre a dengue.

“Estamos entrando no período crítico no que se refere à transmissão de dengue. A temperatura mais elevada, o nível de chuvas aumentado e o período de férias, podem favorecer a proliferação do vetor de transmissão da dengue, o Aedes aegypti. Por isso, é muito importante que a população adote siga algumas recomendações”, diz a e ainda esclarece que, em mais de 80% dos casos, o foco do mosquito está dentro das residências.

“Faça a checagem toda semana e não deixe que o mosquito se multiplique. Ele leva de 7 a 10 dias para passar do ovo à fase adulta. Por isso, o ideal é que cada um faça sua parte e se junte nessa luta contra a doença”, conclama.

A coordenadora do Núcleo Municipal de Vigilância Epidemiológica renova as informações sobre os sintomas da doença:

“A dengue é uma doença infecciosa febril transmitida por um mosquito e dura em torno de 10 dias. Os sintomas são: febre, dor de cabeça, no corpo, nas articulações e por trás dos olhos, podendo afetar crianças e adultos. Não faz, portanto, nenhuma acepção de idade”.

Governo da Cidade de Morrinhos. O Povo em Primeiro Lugar!
Redação e fotos: Assessoria de Comunicação Social (Assecom)
Por Jorivê Siqueira

1
Olá, seja bem vindo! Em que podemos ajudar-lhe?
Nosso horário de funcionamento: das 07h30 às 11h30 e das 13h00 às 17h00 - segunda à sexta
Powered by