Semana Estadual de Reconhecimento Espontâneo de Paternidade começa nesta segunda-feira (3)

Semana Estadual de Reconhecimento Espontâneo de Paternidade começa nesta segunda-feira (3)

pai presente

As atividades da Semana Estadual de Reconhecimento Espontâneo de Paternidade, também denominado de Projeto Pai Presente, do Tribunal de Justiça do Estado, começam nesta segunda-feira (3) e continuarão até sexta-feira (7) no Fórum Dr. Guilherme Xavier de Almeida, no Setor Arca de Noé, no horário das 8 às 18 horas.

A iniciativa do TJ, que tem total apoio da Prefeitura, visa intensificar o reconhecimento espontâneo da paternidade, através do exame gratuito de DNA, buscando, assim, a redução do número de cidadãos que não possuem o nome do pai na certidão de nascimento.

Segundo dados preliminares do TJ de Goiás há, somente nas escolas de Morrinhos, cerca de 800 crianças com registro de nascimento onde não consta o nome do pai, número que pode chegar a 1.200 em toda a cidade, entre crianças e adultos.

Em reconhecimento à importância que a campanha do TJ Goiás tem para fortalecer o vínculo parental, a Prefeitura vem participando ativamente do projeto dando ampla divulgação nos meios de comunicação da cidade e nos eventos promovidos pelos órgãos públicos municipais, como o Prefeitura em Ação, realizado recentemente na Vila Santos Dumont e no Setor São Francisco de Assis.

“A campanha do Tribunal de Justiça do Estado é muito importante para o fortalecimento do vínculo parental. O número de crianças que não têm o nome do pai em sua certidão de nascimento é muito grande e a Prefeitura quer contribuir para diminuir esse número e para tanto estamos colocando à disposição do TJ todos os meios necessários para que a campanha alcance plenamente seu objetivo”, disse o prefeito Rogério Troncoso.

As pessoas interessadas em buscar a identidade paterna em seu registro de nascimento poderão comparecer ao Fórum Dr. Guilherme Xavier de Almeida, situado no Setor Arca de Noé, portando os seguintes documentos, no horário das 8 às 18 horas:

-Documento de identidade da mãe;
–Certidão de nascimento do filho ou da filha;
–Comprovante de endereço;
–Indicação do nome e localização do suposto pai.

Governo da Cidade de Morrinhos. O Povo em Primeiro Lugar!
Redação e fotos: Assessoria de Comunicação Social (Assecom)
Por Jorivê Siqueira

Open chat
1
Olá, seja bem-vindo! Em que podemos ajudar-lhe?
Nosso horário de funcionamento: das 07h30 às 11h30 e das 13h00 às 17h00 - segunda à sexta
Powered by