OK DSC_0006

O prazo para a Campanha de Vacinação contra a Gripe foi prorrogado e vai até sexta-feira, 19 de junho, em todos os Postos de Saúde da Família (PSFs) do município e, também, no Centro Municipal de Saúde Sady Carnot de Ávila. A determinação é da Secretaria Municipal de Saúde.

De acordo com informações da Coordenadora do Núcleo de Vigilância Epidemiológica do Município, Josyane Cruvinel, 69,95% da população morrinhense já foi imunizada, um total de 6.650 pessoas. No entanto, de acordo com a Coordenadora, a meta é alcançar 85% do público-alvo considerado vulnerável à gripe, o que corresponderá à vacinação de cerca de 9.507 pessoas em Morrinhos.

A Campanha tem como público-alvo crianças de 6 meses a menores de 5 anos, gestantes, puérperas, trabalhadores da saúde, idosos, povos indígenas, detentos e funcionários do sistema prisional. Pessoas portadoras de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais (diabetes, transplantadores, obesos, doentes cardíacos, renais, hepáticos, neurológicos crônicos, dentre outros) também devem ser imunizadas, mediante apresentação de prescrição médica especificando o motivo da indicação da vacina.

Recentemente, o Secretário Municipal de Saúde, André Luiz, informou que foi realizado um segundo dia de mobilização especial, o chamado Dia D, com o objetivo de garantir que a parcela da população que é mais vulnerável ao vírus da Influenza, tenha a chance de receber as doses da vacina. Isso aconteceu no último sábado (13), na Quadra de Esportes da Vila Nossa Senhora do Carmo, de forma itinerante, quando foram vacinadas mais 100 pessoas.

“Nossa meta é possibilitar que todas as pessoas tenham a oportunidade de tomar a vacina e se prevenir contra três vírus da Influeza (dois das gripes comuns e o da pandêmica H1N1). Por isso, pedimos à população que ainda não se imunizou que procure o posto de saúde mais próximo ou o Centro Municipal de Saúde para tomar a vacina, até a próxima sexta-feira (19)”, alerta André Luiz.

“Já estamos num período de inverno em que aumentam muito os casos de gripes, resfriados e tosses. E prevenir é sempre melhor do que remediar. Por isso, quanto antes for aplicada a vacina, mais rápido o público-alvo ficará imune, principalmente as crianças e os idosos que são mais suscetíveis à doença”, lembra a Coordenadora do Núcleo de Vigilância Epidemiológica do Município, Josyane Cruvinel.

A vacina é contra indicada para pessoas alérgicas a ovo e hipersensíveis a algum dos componentes da vacina. Além disso, as pessoas que estiverem com febre moderada ou grave devem esperar a melhora do quadro para se imunizar.

OK DSC_0044

Governo da Cidade de Morrinhos. O Povo em Primeiro Lugar!

Redação e fotos: Assessoria de Comunicação Social (Assecom)

Por Ellen Ribeiro